Nigeria 70: The Definitive Story of 1970s Funky Lagos

A música africana pode ser dividida em dois momentos: antes do Fela Kuti e depois do Fela Kuti. É claro que tivemos vários outros grandes músicos no continente africano, mas Fela foi o primeiro a conseguir consolidar uma cena e, com isso, ficar um grau acima dos demais.

Para isso ele criou uma nova fórmula sonora, firmou um estilo único e foi o estopim para todo e qualquer músico, independentemente do estilo ou país. Só que com todo esse absolutismo que Fela exerceu dentro da cena, o caminho para os outros alquimistas musicais foi tentar fazer algo diferente.

E é exatamente esse momento de experimentação que foi eternizado em ''Nigeria 70: The Definitive Story Os 1970s Funky Lagos'', primeira compilação da Strut Records (lançada em 2001) para a série tripla, Nigeria 70.


Track List CD 1:
Ololufe Mi – Koola Lobitos
Tire Loma da Nigbehin – Monomono
Chant to Mother Earth – Blo
Jeun Ko Ku (Chop ‘N’ Quench) – Fela Ransome Kuti & The Africa 70
Ifa – Tunji Oyelana & The Benders
Ikon Allah – Bala Miller & The Great Music Pirameeds Of Afrika
La La La – Segun Bucknor & His Revolution
Shango- Peter King
No Discrimination – Tony Allen & His Afro Messengers
Akayan Ekassa – Sir Victor Uwaifo & His Melody Maestroes
Better Change Your Mind – William Onyeabor
Woman Made the Devil – Bongos Ikwue


Track List CD 2:
Alo Mi Alo – Orlando Julius & The Afro Sounders
Allah Wakbarr – Ofo The Black Company
Enjoy Yourself – Sahara All Stars Band Jos
Dancing Time – The Funkees
The Quest – Afro Cult Foundation
Greetings – Joni Haastrup
Kita Kita – Gasper Lawal
Orere Elejigbo – The Lijadu Sisters
Upside Down – Fela Anikulapo Kuti & The Africa 70 with Sandra Akanke Isidore
Agboju Logun – Shina Williams & His African Percussionists
Ja Fun Mi – Sunny Ade & His African Beats

Arquitetada pela Strut Records, um dos selos mais interessantes que o senhor pode conhecer, essa série é apenas uma pequena demonstração de como a África produziu toneladas de sons chapantes durante a década de 70.

O selo também faz um trabalho excelente, não só com esse lançamento, mas com dezenas de outras coletâneas, que com tanto esmero, foram montados pelo grupo. A especialidade dos caras é essa, procurar sons raros e dar visibilidade à certos grooves que nunca saíram em disco!


Eis aqui um esforço que precisa ser elogiado, a seleção de jam's é excelente e além de contar com mais de 20 bandas, mostra o lado Funkeado da lua nigeriana, embalando a trip num belíssimo disco duplo.

Hoje com a internet, existem várias compilações na rede. Essa arte de procurar pelo desconhecido ganhou séries fantásticas, sendo que essa, definitivamente é uma delas. Como se não bastasse a força da cozinha do Afrobeat, os caras resolveram temperar os riffs com Funk e o resultado de tudo isso é absurdo, são mais de 2 horas de fritação à sua disposição!


0 comentários: