Eloy neles: Reincarnation On Stage

É bastante gratificante saber que bandas como Wishbone Ash, Renaissance e Uriah Heep por exemplo, ainda seguem gravando e carregando junto de seu som, décadas e mais décadas de muita história, e de forma quase que anônima em certos períodos de suas vidas. Sem todo o reconhecimento merecido, mas fazendo tudo pela música e por seus fãs, surpreendendo muitos de nós, sempre se reinventando e ressurgindo de tempos em tempos.

Vejam por exemplo o Renaissance, em 2013 o Rock Progressivo da banda teve mais um capítulo graças ao ótimo ''Grandine iI Vento'', trabalho que além de ter sido um dos melhores discos daquele ano, também foi um dos melhores do passado recente do grupo.


Parece que essa onda de criatividade acabou incitando todos esses velhos guerreiros a voltaram a gravar, nem que seja uma retrospectiva de suas grandiosas carreiras, tal qual fez o Eloy. Sim meus amigos, o ano de 2014 teve de tudo. ''Reincarnation On Stage'' é um presente, um agradecimento de Frank Bornemann para com sua legião de fãs que nunca largaram a viagem sinfônica de uma das maiores mentes criativas do Rock Progressivo.

Line Up:
Anke Renner (vocal)
Frank Bornemann (vocal/guitarra)
Michael Gerlach (teclado)
Alexandra Seubert (vocal)
Hannes Folberth (teclado)
Tina Lux (vocal)
Klaus-Peter Matziol (baixo)
Bodo Schopf (bateria/percussão)
Steve Mann (guitarra)



Track List CD 1:
''Namaste''
''Child Migration''
''Paralized Civilization''
''Mysterious Monolith''
''Age Of Insanity''
''The Apocalypse''
''Silhouette''
''Poseidon's Creation''
''Time To Turn''
''The Sun-Song''
''Horizons''
''IIIuminations''


Track List CD 2:
''Follow The Light''
''Awakening Of Consciousness''
''The Tides Return Forever''
''Ro Setau''
''Mystery''
''Decay Of Logos''
''Atlantis Agony At June 5th 8498, 13 p.m.Gregorian Earthtime''
''The Bells Of Notre Dame''
''Thoughts''


Esse disco pode ser a cereja do bolo na carreira do Eloy. Se ele parar de gravar depois disso, nós, fãs, sempre nos lembraremos desse disco com muito carinho. ''Reincarnation On Stage'' é um CD duplo que cumpre uma tarefa muito complicada: resumir uma das carreiras mais longévas e criativas do Rock Progressivo, com grande classe.

O resultado é excelente, aliás, é realmente surpreendente colocar esse retorno nos falantes, a fidalidade segue impecável. O conteúdo nos apresenta à mais de 20 suites, takes que funcionam como um chá de memória para que seus sonhos relembrem a força do Space-Prog-Sinfônico.


São clássicos que remetem até mesmo ao sotaque alemão nos cantos gregorianos em Inglês, passagens que apenas abrilhantam as peculiaridades desse grande grupo. O som ficou excepcional, o baixo merecia até um take só dele, ''Decay Of Logos'' é brincadeira, Klaus-Peter Matziol arrebenta!

O problema é que o label liberou poucas cópias, até pelo alcance limitado do mesmo (''Soul Food''), e com isso, as edições nacionais ficaram inviáveis. Gastei uma nota nesse aqui, mas valeu cada centavo, afinal de contas é um disco do Eloy. São mais de duas horas e vinte de muito som e muita história.

2 comentários:

  1. Eu tenho esse disco e acho bem foda mesmo...muito bom!
    Abraço,
    Ronaldo

    ResponderExcluir
  2. Vamos que vamos Ronaldo, o Prog do Eloy é a solução!

    ResponderExcluir