Nunca fiz uma playlist no Spotify #4 - Stevie Ray Vaughan SRV

O Spotify é um grande aliado na busca por sons quando não estou em casa. Quando adentro a residência, selecionar alguns discos para ouvir de imediato é praticamente um ato automático, fora que ainda é completamente inviável pensar em não fazer isso, ainda mais por que apesar do grande acervo, certas raridades ainda não chegaram na terra do streaming de Daniel Ek (CEO da empresa).


Mas para quem se desvincilhou da coleção de CDS & Discos (um crime), resolvi fazer uma playlist exclusiva sobre um dos caras que mais me fez colocar os óculos para procurar os registros na estante da letra "S", de SRV.

E como o mundo decretou 27 anos sem o fervor elétrico da Fender do senhor Dr. Stevie Ray Vaughan (morto num acidente de helicóptero em 1990), nada mais lógico do que criar uma playlist para homenagear um dos maiores mestres do Blues e a sua eterna "Number One", a Stratocaster '63 do maior meliante da história do Texas.
Coloque seu chapéu, sirva-se de um cowboy e segure o rojão desse set. Seguindo o formato estabelecido pelas outras 3 playlists liberadas pelo Macrocefalia Musical (Groove, Abraxas e Reggae), eis que temos 30 takes para que o mundo compreenda a grandeza do mestre que fazia bends com uma corda 0.13, sempre apropriando-se da mesma naturalidade com a qual minha avó vai buscar água durante a madrugada.

Segure-se na bancada do bar: 

0 comentários: